Ser Umbandista…

 

Ser umbandista é mais do que ir ao terreiro e incorporar. Ser umbandista é perceber as energias que vem da natureza, é acreditar em nossas percepções, é acreditar que estamos acompanhados de um desconhecido que não tocamos, nem sempre enxergamos, mas que se torna tão íntimo e próximo ao longo dos trabalhos.

Ser umbandista é acreditar e dar o direito do livre arbítrio. É respeitar as diferenças, é não ter “pré conceitos” e tentar entender ao invés de julgar. Ser umbandista pra mim não é ser perfeito, ser um santo, porque a perfeição pra mim não existe! Ser umbandista é tentar fazer o certo, tentar melhor, tentar ajudar a quem precisa… E mesmo que pareça impossível, ao menos tentar.

É acreditar que nada é por acaso, assim como nada vem de graça e nada é cobrado sem a gente realmente dever. É ter a certeza de que toda ação tem uma reação, afinal colhemos o que plantamos e que essa colheita não é opcional e sim obrigatória.

Ser umbandista pra mim não é só quando estou de branco e sim todos os dias da minha vida, pois eu fiz essa escolha de livre vontade.

Texto Escrito por Ana Carolina Abud 

Médium Terreiro Casa do Zé – Fev/2013

Speak Your Mind